Portugal pode orgulhar-se de fazer parte dos 16 países que possuem uma Carta da Diversidade e assumiram oficialmente o compromisso de respeitar, valorizar e otimizar todo o potencial da diversidade das pessoas, seguindo as recomendações e esforços da Comissão Europeia.

Ana Sofia Antunes e Catarina Marcelino, Secretária de Estado da Inclusão das Pessoas com Deficiência e Secretária de Estado para a Cidadania e Igualdade respetivamente, abriram a cerimónia no passado dia 31 de Março com discursos inspiradores, denominado este momento “tão marcante para Portugal”. Realçando que a gestão da Diversidade é um imperativo para as empresas na implementação da Carta e dos seus princípios, também a legislação tem um papel decisivo a desempenhar na promoção da Diversidade e da Inclusão.

Gonçalo Cavalheiro, membro da Direção do GRACE em representação da CAOS, agradeceu a presença de todos e relatou em retrospectiva o processo de construção deste Documento que culminou hoje com um momento “mágico” em que 79 organizações assumiram publicamente um compromisso. O compromisso de que a diferença, que “está em ser pessoa, uma única pessoa” é respeitada e aceite. “A carta que hoje assinamos é um instrumento que visa facilitar o  entendimento da diferença como algo intrínseco ao ser humano, a cada pessoa; como algo que deve e tem que ser gerido de forma a ser valorizado e a criar mais valor.”

Porém, o processo não fica por aqui. A Carta pretende ser “fonte de inspiração” para todas as entidades signatárias e a caminhada prossegue, com coragem e com os esforço de todos na construção de uma sociedade e um país melhores.

Após lido o conteúdo da Carta, procedeu-se à assinatura de uma carta única e simbólica, com representantes das entidades parceiras: Pedro Calado (Alto-comissário para as Migrações), Fátima Duarte (Presidente da CIG), Joana Gíria (Presidente da CITE), Sikander Jamal (Presidente da Fundação Aga Khan), Paula Guimarães (Presidente do GRACE) e José Madeira Serôdio (Presidente do INR, I.P.).

Seguidamente, o Documento foi assinado pelas entidades signatárias que ficaram na posse de um exemplar da Carta, a ser assinada individualmente.

A lista total de entidades signatárias, ordenadas alfabeticamente, pode ser encontrada aqui.

Após uma pausa para café, servido pela Escola Técnica Profissional da Moita, num salão de baile que pareceu pequeno foi momento de guardar para a posteridade o sorriso e orgulho estampados nos rostos dos mais de 150 presentes.

A todos os parceiros, entidades signatárias, amigos e convidados presentes o nosso profundo agradecimento pelo apoio, pelo empenho e pela participação neste dia histórico.

Veja as fotos da cerimónia aqui.

A cerimónia na Imprensa:

Human Resources

Notícias ao Minuto

MSN